(49) 3621.2810

Você está em: Início  Edições  O que é HPV e como ele pode afetar nossa vida


Equipe

Revista SOS Saúde
(49) 3621.2810
revistasossaude@hotmail.com

Rua Almirante Barroso, 1151 - Centro
São Miguel do Oeste, SC

O que é HPV e como ele pode afetar nossa vida

HPV é a sigla de papilomavírus humano (do inglês Human Papillomavirus).

É um vírus comum: calcula-se que entre 80% a 85% da população contraia um ou mais tipos de HPV em algum momento da vida.

Existem mais de 200 tipos diferentes de HPV, 45 podem afetar as áreas genitais de ambos os sexos, alguns são inofensivos e outros podem causar infecções e doenças, a exemplo das verrugas genitais e dos cânceres de colo do útero, vagina, vulva, ânus e pênis.

Além disso, podem provocar tumores na garganta, tanto benignos quanto malignos.

O que é lesão de colo ou câncer de colo do útero?

O câncer de colo do útero é uma doença grave que, ás vezes pode representar ameaça á vida. No Brasil, a cada ano, ocorrem 19.000 novos casos e 5.000 mortes secundárias a esse câncer. As lesões que precedem o câncer de colo do útero podem ser detectadas no exame de Papanicolau.

O que são as verrugas genitais?

As verrugas genitais são formações de consistência amolecida semelhante a verrugas comuns que ocorrem nos genitais de homens e mulheres. Podem causar sintomas como ardor, coceira ou corrimento e reincidem em pelo menos 25% dos casos. É uma doença que pode gerar baixa autoestima e grande impacto psicológico em homens e mulheres.

Como é possível prevenir-se contra o HPV?

Prevenção primária: Evita a contaminação pelo HPV.

A. Uso de preservativo: ajuda a reduzir a transmissão, mas não garante a proteção total contra o contágio

B. Vacinação contra o HPV: recomendada pela Organização Mundial da Saúde (OMS) e Sociedade Brasielira de Imunização (SBim). A Vacina contra HPV faz parte do calendário público de imunizações para meninas e meninos. Existem dois tipos de vacinas. Para mais informações, consulte seu médico.

Prevenção secundária: Faz o diagnóstico precoce da lesão antes que esta se transforme em câncer, e permite o tratamento em tempo hábil com nenhuma ou mínimas sequelas.

A. Papanicolau do colo do útero: deve ser realizado rotineiramente em mulheres que já tiveram relações sexuais.

B. Papanicolau do ânus: é indicado para homens e mulheres que já tiveram lesões pré-cancerosas relacionadas ao HPV nas áreas genital e anal, que mantém relações sexuais anais, que têm HIV ou ainda a critério médico.

C. Coloscopia do colo do útero ou ânus: caso o Papanicolau apresente alterações, esse exame de imagem permitirá a visualização da área alterada e a biópsia do local

para confirmação do diagnóstico, além de definir a melhor conduta a ser adotada no tratamento.

Como ocorre o contágio?

A transmissão ocorre por contato direto com a pele infectada. O HPV é altamente contagioso, sendo possível contaminar-se com uma única exposição ao vírus.

Apesar da principal via de contágio ser sexual, estudos recentes mostraram que o HPV pode ser transmitido por meio de simples contato genital ou inoculação do vírus a partir dos dedos ou objetos e roupas íntimas.

Como o HPV se manifesta e qual o impacto?

Na maioria dos casos, o HPV é uma infecção transitória, não apresenta sintomas e desaparece do organismo espontaneamente. Entretanto, em alguns casos pode causar doenças.

Quatro tipos de HPV causam a grande maioria das doenças relacionadas á infecção.

Os tipos 16 e 18 são responsáveis por cerca de 70% dos casos de câncer do colo do útero, 87% de câncer do ânus, 60% de câncer de vagina e 50% de câncer de vulva. Já os tipos 6 e 11 causam aproximadamente 90% das verrugas genitais, um dos problemas de saúde mais comuns e com taxas crescentes em todo o planeta. Esse vírus é responsável por cerca de 5% a 10 % de todo os cânceres no mundo.

Converse com seu médico sobre a prevenção da infecção pelo HPV

Dra. Tayanna Nazário

Ginecologista e Obstetra - CRM-SC 13093 | RQE 10293

Acesse a matéria na revista


(49) 3621.2810

revistasossaude@hotmail.com

Rua Almirante Barroso, 1151 - Centro
São Miguel do Oeste, SC

Mapa de localização

Revista SOS Saúde © Todos os direitos reservados