(49) 3621.2810

Você está em: Início  Edições  Inovação no diagnóstico de câncer de próstata com o exame PHI


Equipe

Revista SOS Saúde
(49) 3621.2810
revistasossaude@hotmail.com

Rua Almirante Barroso, 1151 - Centro
São Miguel do Oeste, SC

Inovação no diagnóstico de câncer de próstata com o exame PHI

O Índice de Saúde Prostática (PHI) oferece informações precisas sobre os níveis elevados de PSA no paciente, e a probabilidade do desenvolvimento de câncer de próstata. O exame é realizado a partir da combinação de três testes sanguíneos (PSA, PSA livre e p2PSA), que resulta na chamada “pontuação do phi”.

Por se tratar de um exame de alta sensibilidade, o PHI pode reduzir as indicações de biópsias em 15% a 36% (de 1 a cada 3 homens), portanto pode ser utilizado como uma ferramenta de triagem em relação ao câncer de próstata.

A biópsia geralmente é solicitada pelo médico quando o paciente apresenta níveis de PSA Total elevado. O problema é que nem sempre o índice de PSA alterado significa que o paciente tenha desenvolvido algum tipo de tumor.

Estudos revelam que em média, 75% das biópsias de próstata retornam negativas. O índice de saúde da próstata proporciona mais segurança ao paciente quanto a necessidade de partir para uma opção mais invasiva e agressiva.

Nairo Sumita, médico e diretor científico da Sociedade Brasileira de Patologia Clínica/Medicina Laboratorial (SBPC/ML), acredita que o sistema de saúde terá uma economia significativa com a utilização desse método, “pois um alto número de procedimentos cirúrgicos desnecessários será evitado.”.

Para quem o teste genético é indicado?

O teste é indicado para homens com o seguinte perfil:

• 50 anos ou mais;

• Que tenham apresentado resultado do PSA total entre 2,0 e 10,0 ng/mL.

É necessária solicitação médica para realização do exame phi?

Não. O teste pode ser realizado em conjunto com os demais exames preventivos anualmente, uma vez que se trata de um exame de sangue simples que visa reduzir biópsias desnecessárias e diagnósticos excessivos.

BENEFÍCIOS DO TESTE:

• Teste de alta sensibilidade;

• 3x mais específico que PSA Total isolado;

• Laudo personalizado;

• Procedimento não invasivo;

• Evita biópsias desnecessárias.

Plátano Centro de Excelência em Diagnósticos Laboratoriais

Acesse a matéria na revista


(49) 3621.2810

revistasossaude@hotmail.com

Rua Almirante Barroso, 1151 - Centro
São Miguel do Oeste, SC

Mapa de localização

Revista SOS Saúde © Todos os direitos reservados